flag, england, great britain-1463482.jpg

As Diferenças entre inglês britânico e americano

História

As Diferenças entre inglês britânico e americano. Os britânicos realmente introduziram a língua nas Américas quando chegaram a essas terras por mar entre os séculos 16 e 17. Naquela época, a grafia ainda não havia sido padronizada. Foi preciso escrever os primeiros dicionários para definir como essas palavras apareciam. No Reino Unido, o dicionário foi compilado por estudiosos baseados em Londres. Enquanto isso, nos Estados Unidos, o lexicógrafo era um homem chamado Noah Webster. Supostamente, ele mudou a grafia das palavras para diferenciar a versão americana da britânica, como forma de mostrar a independência cultural de sua pátria.

Em termos de fala, as diferenças entre o inglês americano e o inglês britânico na verdade ocorreram depois que os primeiros colonizadores chegaram à América. Esses grupos de pessoas falavam usando o que se chamava de fala rótica, em que os sons ‘r’ das palavras são pronunciados. Enquanto isso, as classes mais altas no Reino Unido queriam distinguir a maneira como falavam das massas comuns, suavizando a pronúncia dos sons do ‘r’. Como a elite ainda naquela época era considerada o padrão para estar na moda, outras pessoas começaram a copiar sua fala, até que acabou se tornando a forma comum de se falar no sul da Inglaterra.  

Diferenças de grafia

O inglês britânico e o americano têm algumas diferenças de grafia. Os mais comuns são apresentados na tabela a seguir.

British EnglishAmerican English
-oe-/-ae- (e.g. anaemia, diarrhoea, encyclopaedia)-e- (e.g. anemia, diarrhea, encyclopedia)
-t (e.g. burnt, dreamt, leapt)-ed (e.g. burned, dreamed, leaped)
-ence (e.g. defence, offence, licence)-ense (defense, offense, license)
-ell- (e.g. cancelled, jeweller, marvellous)-el- (e.g. canceled, jeweler, marvelous)
-ise (e.g. appetiser, familiarise, organise)-ize (e.g. appetizer, familiarize, organize)
-l- (e.g. enrol, fulfil, skilful)-ll- (e.g. enroll, fulfill, skillfull)
-ogue (e.g. analogue, monologue, catalogue)-og (e.g. analog, monolog, catalog)*Note that American English also recognizes words spelled with –ogue
-ou (e.g. colour, behaviour, mould)-o (e.g. color, behavior, mold)
-re (e.g. metre, fibre, centre)-er (e.g. meter, fiber, center)
-y- (e.g. tyre)-i- (e.g. tire)

Diferenças de vocabulário

Os americanos e os britânicos também têm algumas palavras que diferem entre si. A tabela abaixo lista alguns dos objetos do dia-a-dia que têm nomes diferentes, dependendo da forma de inglês que você está usando.

British EnglishAmerican English
trouserspants
flatapartment
bonnet (the front of the car)hood
boot (the back of the car)trunk
lorrytruck
universitycollege
holidayvacation
jumpersweater
crispschips
chipsFrench fries
trainerssneakers
fizzy drinksoda
postboxmailbox
biscuitcookie
chemistdrugstore
shopstore
footballsoccer

Diferenças gramaticais

Além da ortografia e do vocabulário, existem certas diferenças gramaticais entre o inglês britânico e o americano. Por exemplo, no inglês americano, substantivos coletivos são considerados singulares (por exemplo, The band is playing). Em contraste, substantivos coletivos podem ser singulares ou plurais no inglês britânico, embora a forma plural seja mais usada (por exemplo, The band are playing).

Os britânicos também são mais propensos a usar a linguagem formal, como ‘devo’, enquanto os americanos preferem o ‘desejo’ ou ‘deveria’ mais informal.   

Os americanos, entretanto, continuam a usar ‘obtido’ como o particípio passado de ‘obter’, que os britânicos há muito abandonaram em favor de ‘obtido’.

‘Needn’t’, que é comumente usado no inglês britânico, raramente é usado no inglês americano. Em seu lugar está ‘não precisa’.

No inglês britânico, ‘at’ é a preposição em relação a tempo e lugar. No entanto, em inglês americano, ‘on’ é usado em vez do primeiro e ‘in’ para o último.

Ponto final

Embora possa haver certas diferenças entre o inglês britânico e o inglês americano, a principal lição é que os dois têm mais semelhanças. Usar acidentalmente um em vez do outro não levará automaticamente a falhas de comunicação. Americanos e britânicos geralmente podem se comunicar sem muita dificuldade, então não seja muito duro consigo mesmo se você não consegue memorizar as nuances de ambas as línguas.

As Diferenças entre inglês britânico e americano

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *